Grande quantidade de medicamentos é apreendido pela RF

Segurança
Ferramentas
Estilo

São Miguel do Iguaçu - PR - Nesta segunda-feira (11), no momento da deslacração e vistoria de um veículo GM/Monza, com placas de Cascavel/PR, servidores da Receita Federal encontraram uma grande quantidade de medicamentos e anabolizantes, no porta-malas e nos bancos traseiros.

O veículo havia sido encaminhado à Delegacia da Receita Federal em Foz do Iguaçu/PR na manhã de sábado (09), por agentes da Polícia Rodoviária Federal que atenderam a uma ocorrência de contrabando, em decorrência de um acidente de trânsito ocorrido na rodovia BR-277, próximo ao local conhecido como baixada do leão.

No  local do acidente, foi encontrado o veículo em questão que, ao atropelar  um  boi,  acabou  ocasionando  a colisão de outro veículo que se evadiu do local. O veículo que atropelou o animal ficou bastante avariado e o  motorista  fugiu  do  local.  No momento da ocorrência o veículo parecia estar carregado com cigarros e eletrônicos, por esse motivo foi encaminhado para a Receita Federal.    

Somente hoje, no momento da deslacração, foi identificada a enorme quantidade  de medicamentos. Totalizaram 190.200 comprimidos de medicamento para   disfunção erétil,  2.100  comprimidos  de  emagrecedores  e  1.000 comprimidos  de  medicamentos  para  reumatismo.  Quanto aos anabolizantes, foram  encontrados  28.380 comprimidos, 3.059 ampolas e 1.412 frascos. Além disso,   havia   27.000   comprimidos   de  suplementos  alimentares,  como termogênico e melatonina. O valor da apreensão totalizou R$ 300 mil. 

A Operação Muralha, que envolve servidores da Receita Federal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal,Exército, Marinha, Polícia Militar do Paraná e Polícia Civil, teve início no dia 02 de maio por período indeterminado. Esta ação visa prevenir e combater os crimes de contrabando e descaminho, tráfico de drogas, armas, munições, medicamentos e outros crimes praticados, em especial os produtos que ingressam ao Brasil vindos do Paraguai. 


 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar