Medianeira intensifica trabalhos de combate à Dengue

Geral
Ferramentas
Estilo

Medianeira - PR - O prefeito Ricardo Endrigo se reuniu na manhã desta quinta-feira (28) com a vice-prefeita professora Delcir e secretários municipais para discutir estratégias de combate ao Aedes Aegypti, vez que o último levantamento apontou um número alto de infestação do mosquito no município.

Durante a reunião ficou definido que no sábado, 06 de fevereiro, será realizado o Dia D de combate a Dengue na praça Ângelo Darolt, a administração também autorizou a contratação imediata de 30 agentes de endemias temporários para auxiliar no trabalho de combate, principalmente na recolha de entulhos e lixos nos terrenos baldios e residências.

Outra estratégia é a inclusão das agentes comunitárias de saúde no combate ao mosquito. “Entende-se que é necessário o poder público, em todos os níveis, estar fazendo a sua parte, o Governo Federal determinou, via decreto, que os agentes comunitários de saúde podem, e devem estar auxiliando na orientação e no combate ao mosquito da Dengue, para estar atuando junto com os agentes de endemias para possamos reduzir o risco de infestação do mosquito Aedes Aegypti, que transmite Dengue, Chikungunya e o Zika Vírus, com complicações ainda maiores para as gestantes”, pontuou o prefeito Ricardo Endrigo.

Mesmo com todas essas ações é importante frisar que não adianta o empenho do poder público, se a população não colaborar, é preciso que cada morador cuide do seu ambiente e dos arredores de sua casa. Cada um tem que fazer a sua parte.

“Os nossos agentes não terão condições de entrar em todos os terrenos e residências e recolher e minimizar todos os riscos de criação de mosquito da dengue, na reunião de hoje definimos que será feito um mutirão de limpeza e o trabalho de conscientização, para que possamos evitar que aconteça uma epidemia em nosso município, vez que o clima está propício para a criação do mosquito”, completa o prefeito.

Assessoria - Foto: Divulgação

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar