Entocou. E agora?

Ferramentas
Estilo

Além do fator da sorte, algumas manobras podem ajudar a desentocar o troféu, mas não existem muitas regras para isso, já que o comportamento do peixe é imprevisível e cada caso é um caso.

Por vezes as táticas funcionam, por outras não, mas o importante é nunca desistir logo de cara. Você pode adotar os seguintes procedimentos, não necessariamente nessa ordem:

Procure inverter o sentido que você puxa a linha, como se fosse desenroscar uma isca.

Afrouxe a linha por alguns instantes, essa folga pode estimular o peixe a sair da toca.

Com a linha esticada, puxe num movimento longo e solte abruptamente, como se fosse a corda de um violão. Repita seguidamente a técnica do “violão”, a vibração da isca na boca do peixe pode irritá-lo e fazê-lo sair da toca.

Prender um chumbo com snap na linha e deixar esse objeto estranho chegar até o peixe pode assustá-lo e causar alguma reação dando chances para retira-lo do esconderijo.
Fique atento, ao menor sinal de movimentação do peixe, tente forçá-lo sair da toca e evite que ele retorne.

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar