Richa anuncia abertura de pregão para compra de mais mil viaturas policiais

Segurança
Ferramentas
Estilo

SÃO JOSÉ DOS PINHAIS - PR - O governador Beto Richa participou nesta sexta-feira (16), na Academia Policial-Militar do Guatupê, em São José dos Pinhais, da formatura de 40 novos aspirantes da Polícia Militar. Eles passarão a exercer funções de comando em batalhões de todo o Estado, nas próximas semanas.

Na solenidade, Richa anunciou a abertura, nesta sexta-feira, do pregão eletrônico para a compra de mais mil viaturas policiais. Além dessas, outros 200 veículos foram locados em caráter de emergência para fazer o patrulhamento em Curitiba e região metropolitana.

O governador ressaltou que desde o início da gestão, para dar melhores condições de trabalho aos policiais, o governo investiu na compra de 1,5 mil viaturas, armamentos e oito mil coletes balísticos. “Ressalto que esses novos oficiais da PM que se formam hoje, se juntam aos quase 10,8 mil policiais contratados nesta gestão”, disse. Nesta semana, Richa participou da formatura, também, de 111 novos investigadores da Polícia Civil. Só neste ano a Escola Superior da Polícia Civil formou 560 profissionais.

A formação e a qualificação dos novos policiais, civis e militares, afirmou Richa, é prioridade da Secretaria da Segurança Pública. “A criminalidade no Brasil tem aumentado em função das desigualdades sociais e do desemprego. Temos que estar prontos para investir ainda mais em segurança para que a nossa população esteja protegida”, declarou o governador.

O secretário de Estado de Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita, também falou sobre os investimentos para garantir equipamentos e melhorar a segurança. “Foram 103 milhões de suplementação orçamentária neste ano, direcionados para reequipar as nossas policias e modernizar o parque de viaturas”, destacou.

Na semana passada, pistolas, munição, armas, coletes e outros equipamentos foram entregues às polícias Civil e Militar. Foram investidos R$ 3,7 milhões, com recursos da Secretaria Nacional da Segurança Pública como contrapartida à participação de militares paranaenses nos jogos olímpicos do Rio.

Richa-anuncia-abertura-de-pregao-paracompra-de-mais-mil-viaturas-policiais

AJUSTE – O governador afirmou que a compra das novas viaturas e a contratação de novos servidores só foram possíveis graças ao ajuste fiscal feito pelo governo estadual. “Já fizemos um grande investimento até aqui, nos preparamos para enfrentar a crise e já há um reconhecimento nacional de que o Paraná tem a melhor situação financeira e fiscal do país”, afirmou.

Ele disse que o Estado fecha o ano com investimento da ordem de R$ 6 bilhões e o montante previsto para 2017 é de quase R$ 7,6 bilhões.

Richa-anuncia-abertura-de-pregao-paracompra-de-mais-mil-viaturas-policiais

NOVOS ASPIRANTES – Os alunos da Academia Policial-Militar do Guatupê exercerão funções de comando em batalhões policiais de todo o Estado nas próximas semanas. Eles cumpriram 4 mil horas-aula num curso de três anos. Policiamento comunitário, patrulhamento ostensivo, direitos humanos, direito penal e defesa pessoal, entre outros, fazem parte do currículo, que inclui estágios operacionais.

Segundo o comandante-geral da PM, coronel Maurício Tortato, os novos oficiais irão atuar nas unidades que mais necessitam do trabalho de coordenação e comando operacional no interior do Estado.

“Após um processo muito intenso e rigoroso de formação diferenciada, temos profissionais qualificados para o exercício de comando, coordenação, controle e fiscalização operacional de todo o Paraná”, disse.

 

 

 

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar