Índios saqueiam carga de carne e atacam agentes da PRF

Segurança
Ferramentas
Estilo

MAUÁ DA SERRA - PR - A ocorrência foi registrada na madrugada desta sexta-feira (4) nos proximidades de Mauá da Serra (região Norte do Paraná). Um caminhão carregado com frango congelado tombou na BR-376 e a carga se espalhou ao lado da rodovia. Havia 26 toneladas de frango e a carga seria entregue em Paranaguá. Um grupo de indígenas que habita nas proximidades se aproximou do local e começou saquear a carne. “Eles estavam carregando tudo o que podiam. Enchiam sacolas, outros carregavam nas mãos e alguns usaram até carrinho de mão para transportar a carne”, informou um motorista que passou pelo local. Moradores das proximidades que ficaram sabendo do acidente também se juntaram aos índios para o saque.

A Polícia Rodoviária Federal foi chamada e compareceu no local do acidente para evitar que todo o produto fosse saqueado. Os patrulheiros foram atacados com violência pelos indígenas e populares que usaram pedras, paus e pedaços de uma mureta danificada no acidente. Um dos patrulheiros foi atingido na cabeça e precisou ser atendido na UPA de Apucarana. Ele levou 13 pontos, mas passa bem.
 
Depois de saquear toda a carga e atacar os patrulheiros, os indígenas tentaram incendiar o caminhão. Eles fugiram em direção a aldeia e até as 12 horas desta sexta ninguém havia sido preso. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia de Londrina.

O motorista do caminhão foi internado com ferimentos leves em um hospital da região.

Foto: divulgação PRF

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar