Estudante é esfaqueado e morto em escola invadida de Curitiba

Segurança
Ferramentas
Estilo

CURITIBA – PR - Uma tragédia foi registrada na tarde desta segunda-feira (24) em Curitiba. Um estudante de 16 anos foi encontrado morto no banheiro do Colégio Safel, no bairro Santa Felicidade, em Curitiba. O estudante já estava morto quando o Corpo de Bombeiros chegou ao local.

O Colégio Safel está na lista das unidades ocupadas por alunos. O Corpo de Bombeiros informou que  o adolescente morreu por ferimentos causados por arma branca, provavelmente uma faca. A Secretaria de Segurança Pública disse ainda que a vítima tinha 16 anos e que era aluno do colégio. A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) está no local para colher as primeiras informações sobre o caso, que é tratado com prioridade pelas polícias Civil e Científica.

O Movimento Ocupa Paraná, de alunos e apoiado por professores apressou-se a dizer que o assassinato do jovem não deve dar fim ao seu movimento. Líderes do grupo estão no local do incidente buscando mais informações.

A Secretaria da Casa Civil também informou que tem uma equipe no local em busca de informações e que vai se posicionar quando houver detalhes do acontecimento.

Há 22 dias as escolas do Paraná estão ocupadas por alunos que protestam contra a reforma do ensino médio e a PEC 241 (teto dos gastos públicos), proposta pelo presidente Michel Temer (PMDB). Hoje são 850 escolas, 14 universidades e quatro núcleos de educação ocupadas por alunos, de acordo com o movimento Ocupa Paraná

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar