CURITIBA - PR - A taxa de desocupação no Paraná estava em 8,9% no segundo trimestre de 2017, mostram dados divulgados pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua divulgada nesta quinta-feira (17) pelo IBGE. O resultado representa uma queda em relação ao primeiro trimestre, quando a taxa estava em 10,3%.

Leia mais...

PARANAGUÁ - PR - A descarga de soja e farelo de soja utilizando o meio ferroviário para transporte aumentou 182% no corredor de exportação do Porto de Paranaguá entre os meses de janeiro a agosto deste ano, se comparado com o mesmo período de 2016. Ao todo, foram descarregadas 206.635 toneladas de grãos por trem, contra 73.260 toneladas trazidas no ano passado.

Leia mais...

CURITIBA - PR - Um trabalho conjunto do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), a Universidade Federal do Paraná (UFPR) e a Polícia Ambiental recolheu e destinou para tratamento 260 pássaros, de 20 diferentes espécies, que eram mantidos em cativeiro sem a devida autorização, em Marechal Cândido Rondon (Oeste). Eles foram enviados para tratamento em Palotina, nessa quarta-feira (16).

Leia mais...

CASTRO - PR - Começou nesta terça-feira e segue até o próximo sábado (19) a Agroleite 2017, no município de Castro, nos Campos Gerais, e que reúne o que há de mais moderno para a pecuária leiteira em tecnologia, ciência e fornecimento de insumos e medicamentos. Este ano, a feira tem como tema “Tempos Modernos na Cidade do Leite”.

Leia mais...

CURITIBA - PR - O Governo do Estado repassou, desde 2011, aproximadamente R$ 522 milhões para fortalecer o sistema de saúde da Capital. Obras em unidades de saúde (US), melhorias em hospitais estratégicos, incentivos de custeio para ações e serviços de referência, ambulâncias, equipamentos, medicamentos para a rede básica e recursos para mutirões de consultas, exames e cirurgias especializadas. Tudo isso faz parte de um amplo conjunto de investimentos do Governo do Estado.

Leia mais...

CURITIBA - PR - Os setores de comércio e serviços já dão sinais de retomada no Paraná e de que começam a deixar a crise econômica para trás. As empresas de serviços aumentaram seus negócios em 3,5% no primeiro semestre na comparação com mesmo período do ano passado. Foi o segundo melhor resultado do País, atrás apenas do Mato Grosso (3,9%).

Leia mais...

Mais artigos...