Absolvição de policial que matou um jovem negro gera protestos violentos nos EUA

Geral
Ferramentas
Estilo

WASHINGTON - EUA - A polícia de St. Louis, no estado do Missouri, nos Estados Unidos, informou que dois de seus agentes ficaram feridos, neste sábado, 16, durante protesto pela absolvição, ontem, do ex-policial Jason Stockley, que em 2011 matou um jovem negro chamado Anthony Lamar Smith. O protesto chegou até a casa da prefeita de St. Louis, a democrata Lyda Krewson, onde os manifestantes quebraram uma janela e jogaram tinta antes de serem dispersados pela polícia.

O juiz considerou Sotckley inocente das acusações e, no veredito, disse que a morte a tiros do jovem Anthony Lamar Smith ocorreu devido ao seu “comportamento perigoso”. A decisão aqueceu os ânimos em uma cidade com outros casos de violência policial, a exemplo do assassinato do jovem negro Michael Brown, em Ferguson, que desencadeou uma série de protestos em mais de uma centena de cidades do país  O jovem foi transformado em símbolo do movimento Black Lives Matter (Vidas Negras Importam).

Reportagem: EFE
Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar