Prefeita entrega documento que viabiliza a Construção do Blue Park e My Mabu

Economia
Ferramentas
Estilo

FOZ DO IGUAÇU - PR - O documento foi assinado pelo secretário municipal da Administração e Gestão de Pessoas, João Pereira dos Santos, pelo responsável pela secretaria Municipal de Planejamento e Captação de Recursos, Ricardo Albuquerque de Oliveira e pela prefeita Ivone Barofaldi. A entrega foi realizada na manhã desta quarta-feira (21) ao gerente de engenharia, Edson Itiro Tsuzaki e ao gerente geral do Mabu Hotéis & Resorts, Willian Laas. A documentação vai viabilizar a construção do parque aquático Blue Park e My Mabu, dois grandes empreendimentos da Rede Mabu Hotéis & Resorts.

O decreto Nº 24.848, publicado em Diário Oficial, aprova nos termos das Leis Complementares nº 170, de 1º de junho de 2011 e 124, de 20 de julho de 2007 e suas alterações, a planta de Caracterização, Unificação, Subdivisão e Denominação de lotes que são necessários para a construção dos empreendimentos.

Edson Itiro Tsuzaki, explica a importância do decreto. "Esse documento praticamente viabiliza todo o empreendimento, e nos oferece toda a infraestrutura necessária para implantar o Blue Park e o My Mabu" disse.

De acordo com Edson, todo o acesso social dos dois empreendimentos será possível a partir dessa liberação feita hoje pela prefeita Ivone Barofaldi. Edson conta ainda que o protocolo de solicitação foi entregue á prefeitura em setembro de 2015 porém estava paralisado. "Com a entrada da Ivone, conseguimos resolver em dois meses o que estava paralisado há quase um ano" lembra.

Ele salienta que a rede pretende iniciar as obras em fevereiro de 2017. A inauguração o parque aquático Blue Park está prevista para dezembro de 2017 e o My Mabu em 2019."O objetivo até no ano de 2019 é que Rede Mabu Hotéis & Resorts esteja investindo no município, 216 milhões".

O Mabu Thermas Grand Resort é pioneiro no Paraná e busca atrair hóspedes, moradores de cidades num raio de 250 km e também visitantes de Foz do Iguaçu.

A prefeita Ivone Barofaldi, enfatiza a necessidade da desburocratização mediante ao desenvolvimento do município. "Nosso carro chefe é o turismo, e o setor hoteleiro tem crescido muito nesses últimos anos. São empreendimentos que além de alavancar o turismo e o desenvolvimento da cidade vai trazer a geração de empregos para a população de Foz do Iguaçu. Se tudo está dentro da legalidade, não tem o porquê não colaborar. Esse é um investimento de quem realmente acredita em Foz do Iguaçu. Os idealizadores deste projeto estão de parabéns e nós na prefeitura continuamos a disposição no que mais for preciso", salientou a prefeita.

GERAÇÃO DE EMPREGOS

Referente à geração de empregos, gerente geral do Mabu Hotéis & Resorts, Willian Laas, conta que será dobrada a quantidade de colaboradores existentes no Mabu. "Hoje somamos 400 e com a construção dos dois novos empreendimentos, vamos para 800 empregos diretos". Sobre a geração de empregos indiretos, Willian diz ser quase incalculável, mediante a grandeza dos dois empreendimentos.

COM SISTEMA DAY-USE SERÁ POSSÍVEL CURTIR O DIA NO PARQUE AQUÁTICO E APROVEITAR TODAS AS OPÇÕES DE ENTRETENIMENTO DO HOTEL

Já considerada a terceira maior praia termal do planeta, o Blue Park será no sistema Day Use ( utilização da infraestrutura de lazer e serviços do hotel pelo período de um dia inteiro) e contará com atrações como o Wizzard (quatro toboáguas interligados, onde os visitantes deslizam em tapetes em alta velocidade); Aqualoop (tobogã com 20 metros de altura e 70 metros de extensão); Rio Lento infantil (com 40 cm de profundidade, onde os pequenos podem se divertir em boias), Aquaplay (parque aquático exclusivo para as crianças) e praia de ondas.

MY MABU

Em paralelo ao parque aquático está à construção do My Mabu. Investindo alto no modelo de propriedade compartilhada, a marca espera atrair cada vez mais interessados em adquirir as frações que permitem aos proprietários e suas famílias desfrutar, anualmente, de quatro semanas no My Mabu, ou em qualquer resort associado à RCI (Resorts Condominium International) – líder mundial no segmento de férias compartilhadas, hoje com 4.500 hotéis em mais de 100 países. O prédio será construído dentro do complexo do Mabu Thermas Grand Resort, com a previsão inicial da marca de comercializar 200 apartamentos com capacidade para até 6 pessoas, outros 200 para até 4 pessoas, além de 20 suítes para até 8 pessoas.

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar