Morre em Porto Alegre Carlos Araújo, ex-marido de Dilma e ex-deputado

Geral
Ferramentas
Estilo

BRASÍLIA - DF - A Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre confirmou o falecimento, na madrugada de hoje (12), do ex-deputado Carlos Franklin Paixão Araújo. Durante da ditadura militar, ele foi militante da organização Vanguarda Armada Revolucionária Palmares (Var-Palmares), onde conheceu a ex-presidente Dilma Rousseff, com quem foi casado.

Carlos Araújo estava internado desde o dia 25, com problemas pulmonares crônicos e uma infecção das vias aéreas, na unidade de terapia intensiva do Pavilhão Pereira Filho, uma das unidades da Santa Casa especializada em tratamentos respiratórios.

“Aos 79 anos, era portador de doença pulmonar obstrutiva crônica, complicada por quadro de miocardiopatia dilatada isquêmica”, informou o médico Sadi Marcelo Schio, por meio de nota. Ainda de acordo com o médico e a Santa Casa, o quadro do ex-deputado se agravou e ele precisou passar a necessitar de aparelhos para respiração.

“Evoluiu com infecção generalizada, determinando colapso circulatório e, finalmente, refratariedade às medidas, com óbito”, conclui a nota.

Carlos Araújo foi um dos fundadores do PDT, partido no qual foi ligado a Leonel Brizola e pelo qual se elegeu deputado estadual por três vezes. Era advogado trabalhista e tinha escritório em Porto Alegre. Ele deixa uma única filha, com a ex-presidente, Paula Rousseff de Araújo.

A bancada do PT na Câmara dos Deputados divulgou nota de pesar pelo falecimento do ex-deputado. “A combatividade de Carlos Araújo e a defesa de ideais para a construção de um Brasil desenvolvido, justo, solidário e democrático ficam como exemplo para todos”, diz a nota.

Reportagem: Mariana Jungmann 
Edição: Fernando Fraga
Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar