PF investiga irregularidades em contratos do Porto Sudeste

Segurança
Ferramentas
Estilo

RIO DE JANEIRO - RJ - Rio de Janeiro/RJ – A Polícia Federal e o Ministério Público Federal, em cooperação com autoridades espanholas, deflagraram hoje (11) ação que busca coletar dados sobre irregularidades em contratos operacionais e de aquisição de equipamentos do Porto Sudeste, em Itaguaí/RJ. Tais contratos são vinculados a uma subsidiária brasileira de uma empresa estatal da Espanha que opera no referido porto.

Foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, São Bernardo do Campo, Santo André, Belo Horizonte e Curitiba. A cooperação internacional foi solicitada pelas autoridades espanholas e autorizada pela Justiça brasileira, tendo como objetivo a investigação de empresas pertencentes a um cidadão brasileiro suspeito da prática de corrupção ativa, crimes contra a ordem tributária e lavagem de dinheiro. Também são investigadas empresas contratadas para implantação dos serviços de esteira e guindaste no Porto Sudeste.

Reportagem: Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro
Foto:

 

Adicionar comentário

Os comentários não representam a opinião do Jornal/Portal do Iguassu, sendo de total responsabilidade de seus autores. Os usuários do Portal podem comentar os artigos e os comentários de outros usuários. Não há um limite preestabelecido de comentários por artigo, no entanto, os moderadores podem, a qualquer momento, encerrar os comentários, se um determinado artigo estiver causando discussão exagerada ou fora do assunto tema.
Palavra ofensivas, de baixo calão ou desrespeitosas, ocasionarão o bloqueio do IP do usuário. Usuários bloqueados, cujo acesso se der através de redes corporativas, provocarão o bloqueio de toda a rede, impedindo o acesso dos demais usuários. Uma vez bloqueado, o IP só será liberado após identificado o usuário que tiver infringido as regras de postagem.


Código de segurança
Atualizar